Teologue .
Leia, questione, comente, participe!

Tetelestai: a verdadeira Páscoa






1-Um pouco sobre a história da Páscoa antiga
Pouco se comenta, mas a origem da Páscoa pode ser antes ainda do período de libertação dos israelitas do Egito (período pré-mosaico). Alguns estudos históricos, inclusive de textos bíblicos, indicam que a Páscoa inicialmente foi uma cerimônia que marcava o fim da primavera e início do verão, sendo celebrada por famílias de pastores nômades ou seminômades e tinha por objetivo pedir a proteção divina à família e aos bens que possuíam.
Para os judeus, a Páscoa (Pessach, em hebraico, significa passagem) representa o livramento divino (da última praga) e a travessia pelo mar Vermelho, quando o povo liderado por Moisés passou da escravidão do Egito para a liberdade rumo a Terra Prometida. A Festa da Páscoa, a primeira das grandes Festas judaicas mencionadas na Bíblia, é observada e comemorada mais do que qualquer outra Festa do calendário judaico.


2-A Páscoa comercial pelo mundo
A Páscoa é uma época cheia de tradições e em muitos países não se resume apenas em ovos de chocolate e no famoso coelhinho. Embora existam elementos em comum, as tradições agregam características de cada cultura e região.
Existem diferentes simbologias ligadas a essa data. O ovo aparece como representação de fertilidade em diversos países – e nem sempre é de chocolate. Outros símbolos conhecidos são: o sino e o coelho. Estas tradições milenares foram introduzidas oficialmente pela igreja de Roma nas comemorações da Páscoa em 1215.
No ocidente, inicialmente os ovos eram de galinha ou de pata, pintados à mão. Mais tarde apareceram ovos mais aprimorados, feitos de madeira ou cera. Em 1828, na Europa, com o desenvolvimento da indústria de chocolate vieram os primeiros ovos deste material.
No início do século XX, os ovos de chocolates passaram a ser decorados com papéis e fitas, acrescidos pelos recheios e brindes mais variados - como são vendidos até o dia de hoje . No Brasil, os primeiros deste tipo chegaram na década de 20, vindos de Paris. Portanto, a Páscoa hoje é sinônimo de coelhos e de ovos de chocolate, agradando tanto às crianças quanto ao comércio, que fatura muito nessa época.


3-A Páscoa cristã
Para o cristianismo, a Páscoa gira em torno da pessoa de Jesus. Antes de seu sacrifício na cruz, Jesus celebrou a última Páscoa com seus discípulos, dando então novo sentido a ela. O cordeiro pascal usado por Moisés simbolizaria ele mesmo e por meio de sua morte os pecados da humanidade seriam perdoados. Ele usou pão e vinho para simbolizar seu sacrifício. (Lucas 22.19,20) e por este memorial se comemora a libertação, não somente do poder do pecado, mas da morte espiritual.
A Páscoa é uma das festividades mais importantes para o cristianismo, pois representa a morte e principalmente a ressurreição de Jesus Cristo, o filho de Deus. Esse é o fator central e preponderante da fé cristã, pois Jesus entregou-se a si mesmo para redenção da humanidade.

4-Uma palavra para nunca se esquecer
Jesus escolheu uma palavra cheia de significados para o momento em que se entregou pela humanidade: “tetelestai”. Trata-se de uma palavra grega traduzida pela expressão: “está consumado” (João 19:30). Vamos procurar entender o sentido dessa palavra tão importante:
  1. Está pago. Tetelestai era usada para afirmar que uma dívida estava paga. No seu sacrifício, Jesus pagou a dívida do nosso pecado que foi salientado pela lei dada no monte Sinai. Paulo explicou: “Quando vocês estavam mortos em pecados e na incircuncisão da sua carne, Deus os vivificou juntamente com Cristo. Ele nos perdoou todas as transgressões e cancelou a escrita de dívida, que consistia em ordenanças, e que nos era contrária. Ele a removeu, pregando-a na cruz” (Colossenses 2:13-14).
  2. Sentença Executada. Quando as pessoas passavam em frente às prisões, sob a cela, havia a descrição da pena e do tempo restante para o prisioneiro pagar. Ao término do período, no lugar onde antes havia a sentença, lia-se a palavra tetelestai. Ou seja, a sentença que existia foi paga. Dessa forma, Jesus assumiu o lugar de todos que mereciam a morte pelos seus pecados e ele mesmo declarou que a sentença foi executada, nos deixando livres! Pedro disse que Jesus sofreu em nosso lugar, “Para isso vocês foram chamados, pois também Cristo sofreu no lugar de vocês, deixando-lhes exemplo, para que sigam os seus passos; Ele mesmo levou em seu corpo os nossos pecados sobre o madeiro, a fim de que morrêssemos para os pecados e vivêssemos para a justiça; por suas feridas vocês foram curados. ” (1 Pedro 2:21,24).
  3. Vitória! Ao término da batalha, soldados gritavam esta palavra para anunciar suas vitórias. Era o grito de triunfo. Jesus exclamou sua vitória nessa palavra, morrendo como sacrifício perfeito e vencendo o pecado. Quando ressuscitou três dias depois, venceu também a morte. A tradução comum “está consumado” comunica bem o sentido dessa palavra e inclui os diversos aspectos da consumação da missão messiânica. Jesus completou sua carreira e cumpriu seu propósito.
Jesus falou tudo isso quando disse: Tetelestai!
Assim, a mensagem da páscoa que devemos guardar é que possamos não somente comemorar e lembrar desse momento único hoje, mas em todos os dias da nossa vida, pois é por causa disso que estamos aqui.
Que assim seja, uma feliz páscoa todos os dias para você, graças a Cristo!


Fontes Bibliográficas
SAGRADA, Biblia. Nova Versão Internacional.
PASCOA JUDAICA. Portal Doutrinas Biblicas.com (visitado em 27/03/16) em http://www.doutrinasbiblicas.com/pascoajudaica_t/pascoajudaica.htm
SIGNIFICADO DA PÁSCOA CRISTÃ – Portal Significados.com (visitado em 27/03/16) em http://www.significados.com.br/pascoa-crista/

UM ESTUDO SOBRE A ORIGEM DA PÁSCOA. Escola de Teologia – Universidade Metodista de SP (visitado em 27/03/16) em http://portal.metodista.br/fateo/materiais-de-apoio/estudos-biblicos/um-estudo-sobre-a-origem-da-pascoa

João Paulo de Almeida Silva João Paulo de Almeida Silva Author Bacharel em Teologia (formado no ano de 2015 na Faculdade Teológica Batista de São Paulo). Membro da Igreja Evangélica Batista em Perdizes desde 2014.

Inscreva-se

Seguidores